Category Archives

12 Articles

Adeus ao Prof. Alexandre Direne

Posted by Leandro on
0
Artigos

Professor Direne (óculos) recebe livro do Professor Wilson da Silva

É com pesar que informamos o falecimento do Professor Alexandre Direne, responsável pelo desenvolvimento de diversos instrumentos para facilitar o ensino do xadrez a distância, que marcaram os projetos de xadrez escolar do Paraná e do Brasil.

Seus projetos permitiram uma grande parceria entre UFPR e MEC, que recuperaram o prestígio do xadrez nas comunidades acadêmicas e desportivas.

Direne fez parte de um grupo de professores doutores que renovou a área de exatas da UFPR, internacionalizou e levou-a a posição de destaque nacional. Seu conhecimento do xadrez era ímpar e nos levou a avançar muito, especialmente no trabalho com o professor Dr. Wilson da Silva, referência na área educacional enxadrística.

As discussões com ele e seus orientados eram muito ricas e sempre resultavam em novas ideias e projetos que muito ajudaram o xadrez.

A FEXPAR apresenta suas condolências aos amigos e familiares.

 

A regulamentoação do xadrez pedagogico no Brasil

Posted by lg on
0
Artigos

É notório que a xadrez é uma arte milenar e ainda não atingiu sua legal implantação nas escolas públicas do Brasil, pois faltam leis que o gabarita e, além disso, falta um conselho que normatiza e credencia os profissonais do magistério na disciplina xadrez.

O xadrez é uma arte com 3 mil anos e só agora aaprtir da década de 70 com o aparecimento do Henrique da costa o “Mequinho” que que se despertou o interesse popular no Brasil, mais ainda não atingiu  sua maturidade disciplinar escolar, por isso a sua  implantação nas escolas ainda é uma realidade precaria, pois não tem uma lei que o ampara como matéria curricular e assim não constitui como obrigatoriedade e responsabilidade para as instituição de ensino.

Além do mais, por não ter um conselho que normatiza, que avalia, que restrigi o profissional não habilitado e autoriza o profissional a trabalhar como professor de xadrez, faltam normas ao xadrez para concursos e pré requisitos para atuação na área e assim torna o xadrez uma curiosidade e experimento para muitos que tem a arte do xadrez apenas como o jogo que apenas deve mexer as peças, sem notar a rica literatura que só perde para biblia em termos de publicação.

Assim, o  xadrez passa por transformações que precisam ter mais agilidade e responsabilidade para que esta arte venha ser um rico mecanismo de raciocínio e estratégia para os alunos das escolas da rede pública municipal do Brasil.

Jogos da Juventude

Posted by lg on
0
Artigos

                                            Jogos da Juventude   

  Os jogos da juventude tem um auto nivel no paraná,é um torneio bem desputado por varias cidades , a cada ano esses atlétas vem monstrando um grande desenvolvimento no xadrez, buscando sempre um melhor resultado.fases regional e final dos Jogos da Juventude do Paraná, edições de 2010,regional dos dias 17 a 25 de setembro, e a final, de 19 a 28 de novembro, em Foz do Iguaçu.

 

A “masculinidade” do xadrez

Posted by lg on
0
Artigos

  Desde o ano passado eu “tento” dar aulas de xadrez para crianças na biblioteca pública do paraná, situada em Curitiba/PR. A partir deste momento comecei a reparar que na grande maioria, tanto enxadristas quanto jogadores de “fim de semana”, são do sexo masculino. Na própria biblioteca pública pode-se observar isso muito bem. A biblioteca tem um espaço reservado para a prática do xadrez, e nos 8 meses no quais eu trabalho lá, nunca, eu disse NUNCA vi uma senhora ou uma menina ou qualquer “ser” do sexo feminino pedir para utilizar o espaço reservado para a pratica do xadrez, e de todos os alunos que tiveram “aula” comigo, apenas uma era menina. Então fica a dúvida e está aberta a discussão!!!

Se alguém souber algum artigo ou notícia sobre o assunto favor entrar em contato comigo através do e-mail: christoffer.sabatke@hotmail.com 

Arbitragem é coisa séria

Posted by lg on
0
Artigos

       A arbitragem é para as pessoas preparadas para o mesmo, ou seja, jogadores e conhecedores de xadrez não devem, não podem participar como árbitros em qualquer evento que necessite de qualidade e profissionalismo. Vemos durante vários eventos, principalmente os escolares, que o nível de árbitros exercendo a profissão é bem baixo, alguns nem mesmo é conhecedor de regras básicas e mesmo assim são escolhidos para participar de eventos importantes, as vezes o motivo dessas pessoas estar sendo escolhidas é única e exclusivamente por faltar em quantidade. Temos muito poucos árbitros regionais qualificados, provavelmente pelo motivo financeiro, os árbitros não ganham valores respeitáveis pelo seu trabalho.

Curso de Arbitragem

Posted by lg on
0
Artigos

                  No dia 17/07 na Faculdades Integradas do Brasil, teve ínicio o Curso de Organização, Liderança e Arbitragem ministrado pelo presidente e árbitro regional Paulo Virgilio. No evento que será realizado no sábado e domingo, serão discutidos vários assuntos como: 

  • As Leis da Fide
  • Swiss Perfect

e um dos principais: A padronização para a organização e execução de um evento.

 

 

1º Torneio de Árbitros FEXPAR 2010

Posted by lg on
0
Artigos

O 1º Torneio de Árbitros Fexpar 2010, será organizado na cidade de Curitiba – PR durante os dias 17 e 18 de julho na UNIBRASIL. O torneio valerá ranking para a CBX! O evento não terá taxa de inscrição e as inscrições serão apenas para árbitros e técnicos de xadrez.