Desde o ano passado eu “tento” dar aulas de xadrez para crianças na biblioteca pública do paraná, situada em Curitiba/PR. A partir deste momento comecei a reparar que na grande maioria, tanto enxadristas quanto jogadores de “fim de semana”, são do sexo masculino. Na própria biblioteca pública pode-se observar isso muito bem. A biblioteca tem um espaço reservado para a prática do xadrez, e nos 8 meses no quais eu trabalho lá, nunca, eu disse NUNCA vi uma senhora ou uma menina ou qualquer “ser” do sexo feminino pedir para utilizar o espaço reservado para a pratica do xadrez, e de todos os alunos que tiveram “aula” comigo, apenas uma era menina. Então fica a dúvida e está aberta a discussão!!!

Se alguém souber algum artigo ou notícia sobre o assunto favor entrar em contato comigo através do e-mail: christoffer.sabatke@hotmail.com 

Print Friendly, PDF & Email
There are currently no comments.